Chantagem emocional – Uma poderosa arma de manipulação

chantagem emocional - chantagem emocional capa - Chantagem emocional – Uma poderosa arma de manipulação

A chantagem emocional e a manipulação podem ser comuns nos relacionamentos, entre casais, família e amigos. O chantagista age de acordo com seus interesses e culpa, força e provoca medo na vítima da chantagem.
Segundo a escritora Susan Atacante, a chantagem emocional é “uma poderosa arma de manipulação que pessoas próximas a nós usam para nos ameaçar direta ou indiretamente ou nos punir se não conseguirem o que querem.”

– Causas de chantagem emocional


. Um chantagista pode agir assim por muitas razões. A baixa autoestima pode ser um dos motivos, fazendo com que o indivíduo busque constantemente a confirmação do amor do seu parceiro.
. As pessoas narcisistas ou com Transtorno da Personalidade Borderline podem, igualmente, usar uma chantagem emocional constante com suas famílias, amigos e relacionamentos. Esta é uma maneira deles reafirmarem e consolidarem a sua personalidade.
. O medo de ser abandonado faz com que o chantagista tente adotar uma posição de poder sobre a situação, o que pode parecer muito com a dependência emocional. Por outro lado, as pessoas que foram vítimas de chantagem emocional desde cedo na vida, ou que foram “estragadas” e “super-protegidas”, são mais propensas a adotar uma personalidade manipuladora. Este último tem uma baixa tolerância à frustração pois foi acostumado a ter sempre tudo o que quiz e isso acaba afetando muito seus relacionamentos.

– Estratégias do chantagista emocional

O chantagista emocional pode usar diferentes estratégias para alcançar seu objetivo. Através do poder que sabe que tem sobre a outra pessoa, o chantagista “vira a mesa” e tira proveito da vulnerabilidade da vítima. Para fazer isso ele se utilizar de estratégias como:
A autopunição


O chantagista usa frases como: “se você me deixar, não vale a pena viver.” Assim, ele faz a vítima se sentir culpada levando-a a pensar que não deve desafiar as bases do relacionamento.
A punição
A pessoa que chantageia ameaça usando frases como: “Se você fizer isso, não me culpe se eu te deixar.” Assim, faz a outra pessoa se sentir constantemente ligada a padrões de comportamento do que é “certo”, o que cerceia a sua liberdade e personalidade.
O silêncio
O chantagista cria um ambiente negativo com o parceiro, pois assim pode demonstrar a sua raiva através do silêncio. Isso faz a vítima pensar que a situação “ruim” é culpa dela.
A vitimização
A chantagem emocional inclui a vitimização. Um exemplo é a seguinte frase: “Se você sair com seus amigos, eu vou ficar sozinho e triste.”
As promessas
Os chantagistas também são hábeis em fazer promessas que nunca cumprem. Por exemplo, “se me der outra chance eu vou mudar.”
A culpa
Fazer o parceiro se sentir culpado por seu próprio comportamento é uma das estratégias mais utilizadas. Por exemplo: “Eu sou agressivo por que você me provoca” ou “Eu tenho sido infiel por que você não se doa o suficiente.”

– Como se proteger de um chantagista


Pode não ser tão fácil reconhecer que uma pessoa está sendo chantageada. O preço emocional pago pela chantagem de sentimentos é muito alto. Por exemplo, perder uma pessoa amada ou sentir vergonha ou culpa por ter sido manipulado.
O chantagista não é, necessariamente, uma má pessoa, pode se tratar de uma instabilidade emocional que o leva a agir dessa forma. Portanto, devemos estar cientes de que cada situação é diferente.

Nem sempre se pode mudar o comportamento do chantagista, mas a pessoa chantageada pode trabalhar nisso e conseguir deixar de ser uma vítima da manipulação emocional. Trabalhar a inteligência emocional e melhorar a autoestima pode ser muito útil nesta situação, e ajuda a capacitar a vítima para lidar com a vida.

– Chantagem emocional grave ou potencialmente grave

Em casos graves de chantagem emocional, a pessoa afetada precisa de aconselhamento para superar a situação e se recuperar das feridas emocionais causadas. Converse com a família e amigos, e consulte um psicólogo, eles serão importantes para a recuperação do bem-estar emocional da pessoa que sofreu chantagem emocional por muito tempo.

About the Author Taiz de Souza

Apaixonada por psicologia, se dedica a pesquisar continuamente os assuntos mais atuais e variados relacionados a psicologia a fim partilhar artigos interessantes e confiáveis a todos que apreciam.

follow me on:

Leave a Comment:

2 comments
Add Your Reply