Psiconlinews
Shares

Pessoas que já sofreram por amor tendem a ser mais amáveis e companheiras

Shares

pessoas-sofridas

Hoje em dia o amor e as emoções já não possuem o encanto e charme de antigamente, as nossas relações amorosas estão cada vez mais fracas. E isso pode ser extremamente tortuoso para aquelas pessoas que ainda valorizam o amor e atribuem um significado especial para cada momento de suas vidas.





O apego, o hábito, as emoções, o amor, a preocupação, a expectativa e a esperança são como demônios em nossas vidas, eles nos seguem questionando e nos assombrando, tornando a situação ainda pior.

Eu dei o melhor de mim, então por que isso aconteceu?

Será que tomei a decisão correta? Esse é tipo de pergunta que geralmente nos aprisiona. Romeo e Julieta é um romance que parece mais com uma ficção do século XVI, hoje em dia é difícil de acreditar em um amor assim, a maioria das pessoas não sabem mais o que é realmente amar, pois amar alguém se tornou mais uma das convenções sociais existentes. Mas será que realmente não existe mais amor na realidade? Ou será que o amor não passa de uma idealização, uma mera paixão que logo irá se dissolver em compromissos?





Estudos realizados pelo pesquisador Ty Tashiro mostram que um término pode mudá-lo como pessoa, mas a direção da mudança depende muito de como você irá lidar com o término. Se você lidar com as coisas de maneira eficaz, rapidamente será capaz de transformar as energias negativas de frustração, raiva e tristeza em energias positivas de inspiração e motivação.

A seguir estão os 4 lados positivos de passar por um término:

  • O término ajuda você a criar um relacionamento melhor consigo mesmo: Ele faz com que você olhe para si mesmo e intensifique este vínculo. Após o término as pessoas geralmente preferem ficar sozinhas, isso faz com que tenham mais momentos de auto-introspecção e se conheçam melhor. É doloroso romper com alguém que você amou de verdade, mas uma ruptura genuína o ajuda a lembrar de que para amar outra pessoa você precisa primeiro amar a si mesmo, do contrário irá cair no mesmo erro. Você se tornará praticamente obcecado pela pessoa, o seu universo e existência irão girar em torno dela, pois ela se tornará como uma droga para você.





    Apesar dos filmes de Hollywood dizerem o contrário, a vida é muito mais do que o seu relacionamento amoroso, é claro que você pode aproveitar a sua vida de casal, no entanto, é necessário que você faça isso de forma saudável, do contrário continuará pulando de um relacionamento para outro sem aprender a lição mais importante de todas: Você não precisa procurar a outra metade da laranja porque você já é um ser humano completo, e não precisa de outra pessoa para completá-lo, mas sim para acrescentar.
  • O término faz você se sentir mais autoconfiante:Depois de um término você se torna mais seletivo com relação às pessoas e não confia mais cegamente em todo mundo que aparece na sua frente. Você aprende a confiar apenas em si mesmo, e apesar do que muitos pensam, essa não é uma forma egoísta de ser porque você já sabe que deve dar sem esperar nada em troca. Geralmente as pessoas ficam frustradas quando os outros não correspondem às suas expectativas, no entanto, você não pode entrar na pele do outro e fazer com que ele corresponda às suas expectativas, então se você não depender tanto dos outros também não vai se decepcionar tanto, além de se tornar um ser humano mais maduro por aprender a dar sem esperar algo em troca.
  • Você descobre que os momentos mais sombrios podem ser uma bênção disfarçada: O importante na vida é o modo como você olha para as coisas, a sua perspectiva influencia muito em como você se sente com relação a si mesmo e com a vida em geral. É aquela velha história do copo meio cheio ou meio vazio, os términos geralmente ajudam a mudar nossas perspectivas sobre as coisas e isso às vezes pode ser uma boa coisa.
  • O término ajuda a solidificar a sua personalidade: Por último, mas não menos importante, o término ajuda na compreensão de que você só conseguiu experimentar essas emoções ruins porque em algum momento do passado você sentiu emoções boas com relação ao ex-companheiro. Portanto, se você foi capaz capaz de amar genuinamente alguém, isso demonstra que você tem uma personalidade sólida, construída através de uma atitude ousada, que com certeza vale a pena apreciar.

Fonte: TheMindsJournal traduzido e adaptado por Psiconlinews

About the Author Raquel Lopes

Tradutora da Psiconlinews, estudante de Relações Internacionais, gosta de literatura, psicologia e viajar por aí.

follow me on: