A Síndrome da Branca de Neve

Shares

65 síndrome da branca de neve - 65 - A Síndrome da Branca de Neve

Chamamos de Síndrome da Branca de Neve a distorção da imagem que algumas pessoas fazem de si mesmas com respeito à sua idade, maturidade, beleza e o ciúme que desenvolvem das pessoas que parecem superar suas qualidades.

Esta síndrome não é reconhecida como um distúrbio psicológico, pois não foi aceita pelas organizações competentes nem por alguns psicólogos.



As pessoas que sofrem com esse transtorno têm alguns sintomas característicos:

É mais comum nas mulheres, especialmente dos 40 aos 55 anos. Mas não é exclusividade delas, muitos homens também podem desenvolver a síndrome.

Como mencionado acima, não se trata de uma síndrome em si, mas de uma série de sintomas que levam a uma desordem depressiva ou pré-depressiva que, em conjunto, acaba desenvolvendo a síndrome.

A síndrome da branca de neve, na verdade se baseia na personalidade da madrasta do conto popular, que, apesar de sua grande beleza se sentia insegura e ameaçada por sua jovem e bela enteada.

Algumas mulheres que chamavam atenção por serem atraentes,  com o tempo envelhecem e já não são mais o centro das atenções, a percepção de valores diminui. Elas se sentiam valorizadas pela aparência exterior e quando chegam a uma certa idade, começam a perceber que não são mais tão jovens, e isso gera insegurança. Aí vem o medo e a  solidão, e como elas eram sempre cercadas por pessoas, acabam se tornando dependentes das opiniões e dos elogios dos outros.






O outro fator distintivo é a inveja que desenvolvem de pessoas que são mais jovens ou que possuem alguma qualidade que elas acreditam que não têm, seja física ou emocional. Em muitos casos, acontece entre mãe e filha, onde a mãe fica contra sua filha, humilhando e fazendo com que ela se sinta inferior, especialmente na frente dos outros. Pode acontecer também entre irmãs, entre amigas e entre pessoas que trabalham juntas.

Quais os sintomas?

Os sintomas característicos de pessoas com a Síndrome da Branca de Neve são:

  • – Medo / pavor do envelhecimento.
  • – Ansiedade, ciúme e competitividade com mulheres mais jovens.
  • Pesquisa repetitiva de aprovação. (Flerta com frequência, geralmente com homens mais jovens. Busca sempre chamar a atenção do sexo masculino).
  • Busca desesperadamente novos parceiros depois de um rompimento, numa constante necessidade de ser olhada com admiração e amor (lembre-se que o seu foco é parecer mais bonita do que a outra pessoa).
    • Se preocupa excessivamente com a sua saúde e beleza.


  • Inveja as mulheres que levam uma vida feliz e gratificante com seu parceiro.
  • Medo de ficar sozinha por não se considerar mais jovem, bonita e atraente.
  • Auto-conceito distorcido.
  • Melancolia pela juventude que se foi e pelas qualidades/habilidades que acredita não ter mais.

Como faço para saber se eu tenho a Síndrome de Branca de Neve?

  • Se você sente tristeza quando outra mulher ou alguém próximo de você tem algum tipo de vitória .
  • Se você sofre muito quando alguém te rejeita, considerando essa pessoa como seu oponente, mesmo em pequenas coisas.
  • Se você gosta de ser o centro das atenções, mesmo se for tímido.
  • Se você tende a superestimar sua beleza e se superproteger de doenças.
  • Se você se preocupa muito com a sua imagem pessoal, fazendo uso de cirurgias plásticas para manter a sua juventude permanente.
  • Se você gosta de usar roupas que fazem você se sentir mais jovem e atraente.
  • Se você sente uma grande repulsa à sua idade ou o fato de parecer ter a idade que você tem.
  • Se você faz atividades que, geralmente, não são consideradas adequadas à sua idade.
  • Se você compete com seus adversários continuamente enquanto seus oponentes nem desconfiam.
  • Se você tenta socializar muito com homens que fazem você se sentir bonita, jovem e segura e que representam ter um status de superioridade.

Tratamento

Não há tratamento específico para a Síndrome da Branca de Neve, mas a psicoterapia é o tratamento para sintomas como: insegurança, baixa auto-estima, necessidade de aprovação constante, etc. A terapia ajuda a encontrar o equilíbrio e a satisfação em pessoas que sofrem com esta Síndrome.

About the Author Taiz de Souza

Apaixonada por psicologia, se dedica a pesquisar continuamente os assuntos mais atuais e variados relacionados a psicologia a fim partilhar artigos interessantes e confiáveis a todos que apreciam.

follow me on:

Leave a Comment: