Desapegue-se e seja mais feliz!

Shares

desapegue-se - img 55c0d7ad558c6 - Desapegue-se e seja mais feliz!

Tudo nesta vida é dispensável, e quando há algo ou alguém do qual você não consegue viver sem, isso é apego.
Apego é estar preso. É não conseguir estar livre para ser você mesmo. Apego é o medo de perder: perder o status, perder os bens, perder o amado, perder qualquer coisa. Se você tem medo de perder, você está apegado.
Na vida, precisamos estar sempre preparados para perder, perder o que nunca possuímos, pois tudo o que temos ou desfrutamos é passageiro, é um empréstimo para aquele exato momento, mas não é seu.





Seu cônjuge, seu filho, seus pais, sua casa, seu trabalho… nada e ninguém pode lhe tirar a liberdade interior e sua capacidade de escolha. Você é o único responsável pela sua felicidade, assim como você é o único responsável pelas suas ações, e pelos seus apegos. Desapegue-se e não permita que algo ou alguém controle a sua vida.
A busca insaciável pelo prazer e a baixa tolerância as frustrações são características de pessoas emocionalmente imaturas, com pouco autoconhecimento, e também apegadas. São apegadas porque são inseguras. São inseguras e por isso precisam de apegos. Para amadurecer é preciso se conhecer e desapegar de rótulos, crenças e de tudo que julga ser essencial para viver. Pois para viver, basta você!
Desejar algo é saudável, desde que não se torne uma obsessão. O prazer deve ser pontualmente vivido, com consciência de que irá acabar, e acabando, tudo bem, outros prazeres virão e irão, e assim é a vida. O afastamento da fonte de prazer não pode gerar dependência, pois a dependência é o apego, e apego é sofrimento.
Livre-se dos apegos! Estar preso ou dependente de pessoas ou matérias despende energia. Não existe desejo, sonho ou meta imprescindível para a vida de ninguém! Adote um estilo de vida desapegado e você sofrerá bem menos.
Dicas de desapego:

1. Não dependa do reconhecimento ou da visão que outras pessoas tem sobre você.

Você não é o que os outros acham ou pensam sobre você, e nem precisa da aprovação ou concessão de ninguém para poder ser você. Se para viver bem com alguém você sente que precisa agradar, então é melhor fazer o que você tem vontade e agradar a si mesmo. Afinal, ninguém pode ser mais importante que você! Somente suas opiniões e ideias deverão nortear suas condutas. Seja honesto com você e se baste!

2. Viva com o que você tem hoje, ciente de que amanhã poderá não ter mais.

Tudo é transitório e nada é para sempre. Lide com as incertezas e aceite que o pior poderá acontecer. Desfrute o momento presente da melhor forma, e isso deve bastar!

3. Amor não pode ser obsessão.





Quem não te quer, não merece estar contigo, então desencane e deixe a vida rolar! Viva despreocupado com as relações.

4. Administre suas vontades e escolha suas preferências, mas não dependa delas.

Seus desejos não devem manipula-lo ou seduzi-lo. Seja indiferente aos seus desejos e vontades. Você e suas escolhas deverão ser mais fortes que seus impulsos.

5. Resolva seus conflitos pessoais em vez de buscar provas de segurança.

O valor de uma pessoa não se mede pelo que ela possui nem por seus sucessos. Você não é o que possui ou quem tem ao lado, também não pode ser definido pelo seu cargo ou trabalho. Livre-se dos rótulos que possui.

About the Author Luciana Mateus

Enfermeira formada e licenciada em Educação pela Universidade de São Paulo. Especializada em Gestão Escolar. Mestranda em Ciências da Saúde. Diretora Pedagógica do Centro Formador da Cruz Vermelha Brasileira de São Paulo. Acupunturista e Terapeuta Complementar.

follow me on:

Leave a Comment: