All posts by Akim Rohula Neto

Valorizar a sua experiência: como fazê-lo?

Shares

“Valorize-se”! Vemos, ouvimos e dizemos isso em várias áreas de nossas vidas atualmente. A demanda cultural é por pessoas que “se valorizam”, desejamos nos sentir valorizados – pelos outros e por nós mesmos – e há quem diga que muito se sofre por não saber se valorizar. Porém, o que é isso e como se […]

Continuar leitura

Emoções de fundo

Shares

Você já ouviu falar em “emoção de fundo”? Talvez não, mas, com certeza, já sentiu. Segundo o neurocientista António R. Damásio “certas condições de estado interno engendradas por processos físicos contínuos ou por interações do organismo com o meio, ou ainda por ambas as coisas, causam reações que constituem emoções de fundo”. Quando dizemos que […]

Continuar leitura

Tristeza não é doença

Shares

  Como posso me aceitar estando triste Akim? Esta foi a pergunta que me fez escrever este post. A minha resposta inicial à este cliente foi “por que não pode?”. Ele ficou perplexo com a pergunta embora não conseguisse responder. Balançou a cabeça e olhou para baixo e continuou sem resposta. Então perguntei-lhe: “porque você […]

Continuar leitura

Reflexões sobre a exclusão

Shares

A atual crise dos refugiados na Europa mostra um dos piores pesadelos humanos: ser ou sentir-se exilado, precisar fugir por não ser aceito, ser rejeitado. A rejeição é complicada para os seres humanos porque somos seres gregários, nascemos programados para nos sincronizar, harmonizar com outros seres humanos e viver em bandos. A perspectiva de rejeição […]

Continuar leitura

O que caracteriza e quais as consequências de ser uma pessoa otimista?

Shares

O que é uma pessoa otimista? Se formos pensar nas atitudes dela, pensamos em alguém que está – em geral – de bom humor, ou que se recupera mais rapidamente de uma situação de estresse; ou então que sempre vê o lado positivo das coisas ou mesmo alguém que sabe fazer uma boa propaganda de […]

Continuar leitura

Reflexões sobre filosofia da mente

Shares

Existe uma empresa da filosofia que se dedica ao estudo do problema mente-corpo. Para que você entenda este problema de uma forma mais simples pense que você tem uma moeda e que esta moeda está na sua carteira e esta está no seu bolso ou bolsa. É correto dizer que a sua moeda está no […]

Continuar leitura

Impulsividade: Vítimas do coração

Shares

“Quando vi, já tinha feito”. “Não pensei em nada… eu senti aquela coisa ruim aí já foi”. “Você não sabe o que é ter medo de sentir alguma coisa”. Estas são frases típicas que ouço no consultório à respeito de como as pessoas encaram suas emoções, lidam com elas, e com isso vão definindo o […]

Continuar leitura

Discutir a relação ou criar a relação?

Shares

Uma das coisas mais comuns no atendimento à casais é ouvir as tentativas que eles tem de resolver suas vidas afetivas durante uma briga. Obviamente, quase nunca isso dá certo. Porque não? Bem, as pessoas tendem a guardar as características que não gostam do conjugue e a remoer o rancor e a raiva dentro delas. […]

Continuar leitura